STELUTIS ALPINIS  
   
     
 
  FRIULANO (Lingua da região de Friuli Venezia Giulia)     PORTUGUÊS  
  Lingua original da canção.        
     
  Se tu vens cà sù ta' cretis     Venhas cá em cima, entre as rochas  
  là che lôr mi àn soterât,     Onde eles me têm sepultado  
  al è un splàz plen di stelutis;     Tem um lugar pleno de estrelinhas (estrelas alpinas)  
  dal miò sanc l'è stât bagnât...     o qual pelo meu sangue foi banhado.  
           
  Par segnâl, une crosute     Por sinal, uma cruzinha  
  jè scolpide lì tal cret;     está esculpida ali na rocha.  
  fra che' stelis 'nàs l'erbute,     entre aquelas estrelas nasce a relva,  
  sot di lor jo dùar cujet.     em baixo delas eu repouso em paz.  
           
  Ciol, su ciol, une stelute     Colhas, sim, colhas uma estrelinha ( estrela alpina)  
  che ricuardi il nestri ben:     que lembre o nosso amor:  
  tu 'i darâs 'ne bussadute     tu lhe darás um beijinho  
  e po' plàtile in tal sen.     e depois escondes-a no teu seio.  
           
  Quant' che a ciase tu sês sole     Quando em casa, estiveres sozinha,  
  e di cûr tu preis par me,     de coração, ores por mim.  
  il miò spirt ator ti svole:     o meu espírito a tua volta, te aliviará  
  jo e la stele 'o sin cun te.     eu e a estrela estaremos contigo.  
           
  Tradução: Pastor Walter Vacario  
     
 
  ITALIANO     PORTUGUÊS  
       
  Se giungi quassù, tra le rupi     Achegue-se aquí em cima, entre as rochas  
  dove "essi" mi hanno sepolto,     Onde eles me têm sepultado  
  c'è uno spiazzo fiorito di stelle alpine;     Tem um espaço florido com estrelas alpinas  
  del mio sangue è stato bagnato.     o qual pelo meu sangue foi banhado.  
           
  Per segnale una piccola croce     Como sinal, tem uma pequena cruz  
  è scolpita lì nella roccia.     está esculpida ali na rocha.  
  Tra quelle stelle nasce l'erbetta,     entre aquelas estrelas nasce a relva,  
  ed io, sotto, riposo in pace.     e eu, em baixo, repouso em paz.  
           
  Cogli, sù, cogli una stella alpina     Colha, vá, colha uma estrela alpina  
  che ricordi il nostro amore:     que lembre o nosso amor:  
  tu le darai un trepido bacio     você  lhe dará um emocionante beijo  
  e poi nascondila nel seno.     e depois esconde-a no seu seio.  
           
  Quando a casa sei sola,     Quando em casa, estiver sozinha,  
  e di cuore preghi per me,     de coração ore por mim,  
  il mio spirito ti aleggerà d'intorno:     o meu espírito a sua volta, lhe aliviará  
  io e la stella saremo con te.     eu e a estrela estaremos consigo.  
           
        Tradução: Pastor Walter Vacario  
             
           
  Friuli Venezia Giulia - tudo sobre.  
 
 
 
   
   
     
     
     
     
     
     
     
     
 
 
 
 
   
   
   
   
   
   
   
   
   
   
   
   
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Moldura: Topo